Dieta da Sopa

Como funciona a Dieta da Sopa?

Dieta da Sopa

A dieta da sopa sugere a substituição de duas refeições (almoço e jantar) por sopas caseiras ou prontas durante uma semana.

Existem diversas variações da Dieta da Sopa, mas a única mudança em geral é a receita da sopa, as mais conhecidas são a do Hospital do Coração e a Dieta da Sopa de Repolho.

Na dieta não é permitido bater as sopas no liquidificador e os legumes e verduras devem ser picados em pedaços maiores para assim promover a mastigação. Como forma de incrementar o sabor, é permitido utilizar carne, frango, atum, ovos batidos, purê de batatas, aveia ou queijos.

As sopas industrializadas, com exceção das sopas cremosas, podem ser utilizadas, e para deixá-las mais “nutritivas” a dieta permite a adição de vegetais frescos.

Leguminosas como feijão, grão de bico, lentilha e ervilha não devem ser adicionados a preparação, assim como arroz e massas, até mesmo o tradicional pão de acompanhamento não deve ser consumido.

Vantagens da Dieta da Sopa

- Elevado consumo de legumes e verduras, alimentos fontes de vitaminas e minerais fundamentais para o bom funcionamento do organismo. Os adeptos da dieta da sopa, durante o período de realização da dieta, consumem estes alimentos como ingredientes das sopas, o que pode estar de acordo com a recomendação de consumo para esse grupo alimentar que é de no mínimo 3 porções ao dia.

- A dieta promove uma perda rápida de peso, contudo essa perda não representa uma perda de gordura somente, mas também de água e músculos.

Desvantagens da Dieta da Sopa

- A dieta da sopa é muito pobre em calorias, ficando muito abaixo das necessidades energéticas de um individuo adulto e assim representando uma grande restrição energética.

- Durante o período em que a dieta é realizada seus seguidores podem apresentar fraqueza, tonturas, dores de cabeça, cansaço, mau humor e indisposição. Estes sintomas estão relacionados à baixa ingestão de carboidratos, principal fonte de energia do organismo, ocasionada pela exclusão das massas como pães, biscoitos, macarrão, arroz, entre outros.

- O cardápio proposto pela dieta, apesar de rico em vitaminas e minerais é pobre em proteínas, carboidratos e gorduras contrariando os princípios de alimentação saudável e equilibrada. A restrição de leguminosas pode comprometer o fornecimento de aminoácidos e proteínas ao corpo, bem com comprometer a adequada ingestão de ferro, nutriente essencial para o transporte de oxigênio, encontrado no feijão. Além disso, a restrição de gorduras pode também prejudicar o organismo, uma vez que esse nutriente está relacionado à composição de hormônios e atua na absorção de vitaminas lipossolúveis.

- O elevado consumo de sopas industrializadas representa uma excessiva ingestão de sódio, mineral que em altos níveis promove o aumento da pressão arterial e favorece a retenção de líquidos no corpo.

- A monotonia que a dieta representa também pode ser apontada como outra desvantagem.

- Outro fator a ser levado em consideração é que a dieta não promove uma reeducação alimentar, ou seja, não transmite a seus adeptos os conceitos de uma alimentação saudável, e não promove a mudança de hábitos o que compromete o controle de peso permanente.

Dieta da Sopa x Dieta e Saúde

  • Aprenderei a me alimentar corretamente?

    Dieta da Sopa: No período da dieta você só pode ingerir nas principais refeições (almoço / jantar) uma sopa. Ou seja, você não aprende a se alimentar de maneira correta e ainda fica muito abaixo das necessidades calóricas para o seu dia.

    Dieta e Saúde: Com a reeducação alimentar proposta pelo Dieta e Saúde, você aprende a fazer as melhores escolhas e que ter uma alimentação variada que é fundamental para emagrecer com saúde e se manter em forma por muito mais tempo.

  • É fácil de seguir?

    Dieta da Sopa: A Dieta da Sopa também está no grupo das dietas restritivas, ou seja, é uma dieta que interfere de maneira impactante na sua vida. Toda mudança radical é difícil de seguir. Por isso, a pergunta é: você está disposto a levar uma vida de privações mesmo sabendo dos possíveis efeitos nocivos à sua saúde?

    Dieta e Saúde: A Dieta dos Pontos do Dieta e Saúde não exige que você mude radicalmente sua rotina e nem abra mão dos alimentos que está acostumado a consumir. A sua consciência alimentar é desenvolvida naturalmente, o que torna a reeducação alimentar uma dieta mais fácil de ser seguida e mantida.

  • O que terei a minha disposição?

    Dieta da Sopa: Como na maioria das dietas restritivas, na Dieta da Sopa, você conta com uma lista de regras. No entanto, você não tem ferramentas para te auxiliar no processo do emagrecimento e não consegue avaliar se está perdendo peso da maneira correta sem comprometer sua saúde.

    Dieta e Saúde: O Dieta e Saúde te oferece ferramentas que permitem acompanhar a evolução do seu emagrecimento no dia-a-dia e por ser 100% online, você pode acessar sua página a qualquer momento. Conte com: Contador de Pontos, a Análise Nutricional, a Comunidade e o Suporte Nutricional e emagreça com saúde.

  • Farei a dieta sozinho?

    Dieta da Sopa: Normalmente quando você faz uma dieta da moda, você está sozinho e conta apenas com cardápio e as regras. E com a Dieta da Sopa não é diferente, você faz a dieta por sua conta e risco.

    Dieta e Saúde: Emagrecer na companhia de amigos é bem melhor, não é mesmo? No Dieta e Saúde você encontra a maior Comunidade online de emagrecimento do país. É um ótimo modo de compartilhar experiências e dicas com quem quer o mesmo que você: emagrecer! Quem participa ativamenta da Comunidade emagrece até 5 vezes mais do que quem não participa.

  • Quem irá me acompanhar?

    Dieta da Sopa: A Dieta da Sopa, é mais uma no grupo das dietas restritivas que são feitas, geralmente, sem o acompanhamento de profissionais para tirar suas dúvidas e oferecer orientação.

    Dieta e Saúde: Nossa Dieta dos Pontos é feita por pessoas para pessoas. Nossa metodologia foi cirada por diversos especilistas coordenados pela nutricionista-chefe do Dieta e Saúde, a Dra. Roberta Stella e você poderá contar com nosso suporte via chat ou e-mail com especialistas nas áreas de nutrição e atividade física.

  • O que vou comer?

    Dieta da Sopa: Na Dieta da Sopa, as principais refeições devem ser substituídas por apenas uma sopa. No entanto, leguminosas como feijão não devem ser adicionadas à preparação, assim como arroz e massas.

    Dieta e Saúde: Com a Dieta dos Pontos do Dieta e Saúde, você come de tudo só que aprende a analisar se está consumindo as quantidades dos nutrientes que você precisa para emagrecer de modo saudável. Nada de dar adeus aos seus pratos preferidos! Você aprende a fazer sempre as melhores escolhas.